Como o dia das mães é considerado a melhor época para o comércio?

O Dia das Mães continua sendo uma das principais datas comemorativas após o Natal.

A data do Dia das mães é significativa para o comércio no mercado brasileiro é ideal para a venda dos produtos. O motivo do sucesso é pela ocasião em homenagear uma pessoal tão especial entre nós: as mães.

Além disso, festejar o segundo domingo de maio virou algo tradicional e nada mais justo que fazer do dia uma celebração. Na pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que os principais motivos de presentes (63,8%) desejam retribuir todo esforço e carinho das mães.

Diante disso, para entender como este dia é importante para o comércio e a economia acompanhe o artigo a seguir. No texto trazemos um pouco dos benefícios em investir na data, além de contar a história desta ocasião!

Fiquem ligados e boa leitura!

Não deixe de ler o nosso último artigo. Como os brindes podem ser grandes aliados no marketing promocional

História dos Dias das Mães

No Brasil a data foi comemorada pela primeira vez em 12 de maio de 1918 na Associação Cristã de Moços de Porto Alegre. No entanto, outros locais também celebraram o momento através de associações e instituições religiosas.

Mas foi somente em 1932 que o governo provisório de Getúlio Vargas começou a comemorar (como nos Estados Unidos) a data no segundo domingo de maio.

Com o passar dos anos a ocasião ganhou relevância e hoje perde somente para o Natal. Conforme o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) é projetado que mais de 111,5 milhões de consumidores vão às compras na ocasião.

A média de preço do presente fica nas faixas de R$ 150,00 e, segundo estimativas, os consumidores no ano passado injetaram mais de $17 bilhões nos setores do comércio e serviços. Com estes números as vendas são consideradas as mais altas dos últimos anos.

Conforme pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) com o SPC e a CNDL revela que os presentes favoritos são roupas, perfumes, calçados e cosméticos.

Dia das mães e o comércio

Esta data todos os anos contribui para as vendas de produtos e serviços. Como a comemoração tornou-se popular é natural que o comércio explore a ocasião.

Diante disso, esta comemoração é a segunda melhor data para vendas no Brasil. As opções de presente variam entre os segmentos como perfumaria, vestuário, calçados, floricultura e dentre outros apresentam um melhor resultado nesta época.

O segundo domingo de maio movimenta a economia que vai além do varejo. Ou seja, os salões de beleza, restaurantes e até eventos como shows tem procura. O interessante é que não só as mães recebem os mimos.

Conforme o comportamento do consumidor brasileiro, as esposas, avós, irmãs, as tias e as sogras também fazem parte das compras.Conforme especialistas o faturamento neste período pode ser é equivalente a três meses normais do ano.

Independente do ritmo o dia se mantém como umas das data mais importantes. Deste modo, isto não ocorre somente pela necessidade de comprar presente. Pelo contrário muitos consumidores aproveitam este momento para reformar casa, comprar produtos ou substituir eletrodomésticos.

Conforme levantamento realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), existe uma expectativa que o crescimento é de 2,43% nas vendas, sobre o ano passado, sendo o percentual de aumento registrado desde 2013.

Devido ao crescimento a média é que R$ 2,18 bilhões devem ser injetados no comércio da capital mineira em maio com as vendas para os presentes.


Ainda de acordo com a pesquisa Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revela que sete em cada dez consumidores (73,7%) pretendem comprar presentes para consumidores com mais de 55 anos (53,1%).

Além disso, na pesquisa do SPC Brasil e CNDL os entrevistados foram questionados sobre o que levam em consideração na hora de comprar o presente.

As respostas demonstram que 26,8% elegeram a qualidade do presente, 21,1% priorizam o perfil da presenteada ― especialmente entrevistados das classes A e B (28,8%) ―, 15,8% o desejo da presenteada ― principalmente as mulheres (20,5%) ― e 13,2% o preço do presente.

Conforme pesquisa as formas de pagamento são em dinheiro (53,0%), cartão de crédito parcelado (28,4%) e cartão de débito (24,2%). Já os que irão parcelar a média é de 3,95 prestações.

Para completar os principais fatores que influenciam a escolha do local da compra são os preços (56,5%), promoções e descontos (43,1%) e qualidade dos produtos (42,4%);

Isso também vai te interessar. Quanto cobrar por um folder? Saiba como precificar os seus serviços

Vendas on-line

Com o crescimento do setor e-commerce as vendas aumentaram em relação ao período do ano passado em 38% se comparado com a pesquisa da Tray, unidade de e-commerce da Locaweb.

Os segmentos responsáveis pela alta são de moda e acessórios; calçados; perfumaria; eletroeletrônicos e eletrodomésticos.

Além disso, o aumento do número de pedidos e a confiança ao comprar pela internet interfere no crescimento dos números.

Através de outro levantamento da Ebit, sobre dados do comércio eletrônico brasileiro o faturamento nas lojas online no período atingirá R$ 2,16 bilhões com montante, 15%, superior ao de 2017 que foi de R$ 1,88 bilhão.

Conforme data comercial de 2016 e 2017 o registrou teve um aumento de faturamento de 38,33% e 39,91%, respectivamente. Enquanto isso o número de pedidos aumentou de 28,41% e 30,70% nos últimos dois anos.

Já leu? Gráfica Online: Quais são os 8 tipos de impressão do mercado?

Período que as compras são feitas

A maior parte dos consumidores compram o presente uma semana antes da data comemorativa (40%). Os outros 34,8% fazem a compra um dia antes e 23,5% duas semanas antes.


Materiais gráficos no dia das mães

Como o dia das mães é considerado a melhor época para o comércio


Nesta época as promoções e as campanhas do varejo podem ser vistas como um ritual obrigatório. Hoje os lojistas precisam investir em material gráfico e descontos nas campanhas para chamar atenção dos consumidores.

Os materiais são muitos relevantes e funcionam desde nas estratégias online e no meio offline. O ideal é que todo material seja bem planejado e executado com excelência.

Para esta data importante é válido investir em folders, flyers, outdoors, entre outros materiais. Com estratégias e uma boa identidade visual este trabalho pode servir como principal forma de divulgação e meio de garantir a presença da marca.

Gostou do conteúdo? Agora que você sabe a importância dos dias das mães para o comércio não deixe de investir no material gráfico para melhorar suas vendas.

Para receber novidades e acompanhar mais este conteúdo siga as nossas redes sociais e acesse www.zapgrafica.com.br.


Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>